04.04.18

Exibição de documentário marca início da preparação para a FIC 2018

As turmas do 8º ano EF vão realizar uma homenagem ao Axé Music no mês de outubro.

Exibição de documentário marca início da preparação para a FIC 2018

A Feira de Informação e Cultura (FIC) fará em 2018 uma homenagem ao Axé Music. A primeira ação de imersão dos alunos do 8º ano EF foi realizada no dia 26 de março, na Saladearte Cinema do Museu, situada no Museu Geológico da Bahia. Na ocasião, eles assistiram ao documentário “Axé: Canto do Povo de um Lugar”, dirigido por Chico Kértesz, e participaram de uma roda de conversa sobre o tema com o maestro Jean Prado.

A coordenadora pedagógica do 8º ano EF, prof. Andréa Oliveira, destaca que o objetivo dessa primeira ação relacionada à FIC foi contextualizar os alunos sobre o tema. “Eles vão iniciar uma pesquisa sobre esse movimento musical, que culminará com as apresentações em outubro. Considero fundamental ter esse momento para que seja possível conhecer os atores principais dessa história, além da possibilidade de fomentar a aprendizagem em diferentes espaços”, afirmou.

Após a exibição do documentário, os alunos participaram de uma roda de conversa com o maestro Jean Prado sobre as matrizes musicais que formaram o Axé. “Tivemos a oportunidade de ter muitas informações novas sobre o tema e de aprofundar nosso conhecimento de uma forma dinâmica”, ressaltou a aluna Ana Maria Jambeiro. Para o estudante João Alvim, o evento motivou ainda mais as pesquisas para FIC. “Aprendi muito sobre o Carnaval com a minha família, mas o filme trouxe diversas informações que vão ajudar na preparação de toda turma”, acrescentou.

Antes mesmo da apresentação na FIC, a pesquisa sobre o Axé Music será apresentada em forma de seminário pelos estudantes na segunda unidade. “Foi muito gratificante perceber o interesse dos alunos por toda a história e tudo que envolveu a origem e o transcorrer desse movimento, através dos diversos artistas que contaram as suas trajetórias durante o documentário. Essa atividade foi um ponto de partida muito importante para todos nós”, ressaltou o professor de Ensino Religioso do 8º ano EF, Roberval Vicente.

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nossos sites e fornecer funcionalidade de redes sociais. Se desejar, você pode desabilitá-los nas configurações de seu navegador. Conheça nossa Política de Privacidade.

Concordo