16.02.17

Ex-alunos avaliam preparação para o ENEM e comemoram aprovações

Em visita ao Vieira, universitários compartilharam experiências e falaram sobre o futuro

Ex-alunos avaliam preparação para o ENEM e comemoram aprovações

O Colégio Antônio Vieira sempre busca ações que fortaleçam o compromisso de proporcionar uma educação de excelência, não só baseada em importantes resultados acadêmicos, mas que também esteja atrelada a uma formação do aluno como alguém capaz de fazer a diferença na sociedade. Desde o início do ano letivo, vários ex-alunos que cursaram a 3ª série EM durante 2016 têm visitado a instituição para compartilhar os resultados que conseguiram alcançar através da preparação voltada para o ENEM, reencontrando professores e funcionários de diversos setores, com uma atmosfera que mescla nostalgia e agradecimento.

A coordenadora pedagógica da 3ª série EM, Ana Paula Marques, destaca que esse contato com os ex-alunos é algo gratificante para todos que formam a comunidade educativa do Vieira. “Nos sentimos muito felizesquando os estudantes retornam aqui para agradecer o resultado que tiveram nos vestibulares. Também por termos feito parte dessa caminhada para preparar esses jovens para o mundo lá fora. É um momento muito importante de colher os frutos de todos os esforços feitos ao decorrer do ano passado”, ressalta.

João Martins passou em medicina na Universidade Federal da Bahia (UFBA). Ele destaca a importância de manter o foco no objetivo durante todo processo de preparação. “Além de passar todo conteúdo necessário, o principal papel do colégio em minha opinião foi de oferecer tranquilidade. O Vieira nos preparou muito bem para o ENEM e isso, aliado ao esforço dos estudantes, fez toda diferença”, pontuou ele.

“O Vieira desempenha um papel de motivação muito importante. Além da base acadêmica, tivemos um suporte de incentivo muito grande e necessário. Em relação à prova (ENEM), eu senti mais dificuldade em 2016. Por mais que tenho sido coerente com o que havia sido divulgado, ela teve um caráter mais rígido, sobretudo na correção da redação”, relatou o aluno Davi Coutinho, que agora parte para estudar educação física na Universidade de Pelotas (UFP), no Rio Grande do Sul.

Para Mariana Tourinho, a mais nova estudante do curso de medicina (Bahiana), a formação humanística do Vieira teve grande peso na escolha do seu curso. “Medicina é uma profissão que exige muita doação pelo outro e eu fui muito influenciada pelo colégio para ser cada vez mais solidária com o meu próximo. Além disso, sempre tive o apoio dos meus professores, do SOE e demais funcionários, que sempre demonstraram confiança em mim e, dessa forma, me tornaram mais confiante”, comentou ela.

A Universidade de São Paulo (USP) receberá a vieirense Bruna Wenyi, que vai cursar farmácia. Ela conta que os professores contribuíram de maneira decisiva para que fosse possível desenvolver autoconfiança, foco e perseverança durante a sua preparação. “Além disso, as aulas que tivemos no turno oposto foram muito importantes para que pudéssemos dar conta de todos os assuntos necessários para estudar. Fiquei muito feliz com meu resultado, porque sempre desejei estudar na USP, não apenas por ser uma universidade renomada, como também pelos laboratórios e oportunidades de intercâmbio”.

Junto com Bruna, o aluno Henrique Sandes também irá para a USP, mas para estudar engenharia elétrica. “O colégio sempre me apoiou muito e as aulas extras foram fundamentais para o bom desempenho que consegui obter. Tivemos um apoio extraordinário, com professores que incentivam e tentam tirar sempre o nosso melhor. Eu escolhi a USP durante o Ensino Médio e achei a prova muito mais tradicional do que o ENEM, que já é mais dinâmico e contemporâneo”, finalizou ele.

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nossos sites e fornecer funcionalidade de redes sociais. Se desejar, você pode desabilitá-los nas configurações de seu navegador. Conheça nossa Política de Privacidade.

Concordo