18.10.21

Professores do Vieira têm momento de descontração com música e homenagens

Reconhecimento da importância dos profissionais para história do colégio marcou comemoração pelo Dia do Professor

Professores do Vieira têm momento de descontração com música e homenagens

“Vieira 110 anos: seu nome está escrito em nossa história”. Esta foi a mensagem que marcou as homenagens do Colégio Antônio Vieira aos professores, como parte das comemorações pela passagem do Dia do Professor, no último dia 15. Um painel especial, com o nome de todos eles, foi instalado no Pátio Centenário, representando a importância da dedicação de cada um para a história da instituição, sobretudo, nos últimos anos de tantos desafios também impostos à educação pela pandemia de covid-19.

O Vieira ainda promoveu um momento de descontração, no dia 13 à noite, reunindo os professores para uma apresentação especial dos Irmãos Macêdo, dentro das  normas de biossegurança. Um dos professores de Música do colégio, Ronaldo Oliveira, integrou a banda, à frente dos instrumentos de percussão, o que também encantou os colegas. Ex-aluno do Vieirinha e avô vieirense, o músico Armandinho falou da honra de participar de um evento que homenageia os professores, “que precisam mesmo ser muito valorizados pela importância que têm para o futuro do País”. Ele também lembrou dos tempos de estudante do colégio, em meio às histórias de Carnaval-Música-Revolução, tema do espetáculo apresentado.  

 A diretora-geral, professora Mariângela Risério, e a coordenadora de Projetos Culturais do Vieira, professora Sálua Chequer – que cuidou da organização artística do evento promovido pela Direção de Gestão de Pessoas do Vieira –, agradeceram pela presença de todos, enaltecendo o quanto o momento, mesmo ainda com as restrições necessárias, era “especialmente significativo após meses de distanciamento social e ressignificação dos métodos de educação em meio a um contexto tão inusitado”, como frisou Mariângela. “Foi tudo preparado com muito amor e cuidado porque sabemos o quanto a nossa equipe de professores merece”, completou a Profa. Sálua.  

SENTIMENTO DE PERTENÇA


“Após um período muito desafiador nessa pandemia, nós estávamos mesmo precisando de momentos como esse, com música, arte e certa proximidade, ainda que dentro dos limites de distanciamento, porque estamos sedentos disso e, por isso, foi tão oportuno o Vieira ter promovido este momento com música e arte, tocando também nossos corações ao exibir nossos nomes no painel, fazendo aflorar ainda mais o sentimento de pertença, que brota justamente desse acolhimento que temos aqui na escola”, declarou o professor de Educação Física e psicólogo, Claudio Roberto Cruz, da equipe do Vieirão.

Professora de História do Ensino Médio Noturno há 16 anos, Analba Falcão também expressou seus sentimentos diante da homenagem: “É uma profissão que envolve não só a questão do dom, mas também do amor e, no Vieira, essa questão de sermos como família é sempre muito presente, fazendo a gente se sentir como parte desse processo, por isso nossa gratidão por esse diálogo e pelo afeto recíproco”.

“Foi muito emocionante chegar nesse espaço organizado com tanto carinho, com tanto cuidado, e assistir a essa apresentação musical maravilhosa e o mais surpreendente: ver meu nome personalizado na história dessa escola, o que fez meu coração vibrar de amor e gratidão”, revelou a professora Catucha Cavalcanti, que leciona no Vieirinha. Também da equipe do Vieirinha, a professora de Artes, Joelma Serra, comentou: “Foi um momento de emoção que comprova também que estamos em um ambiente de trabalho humanizado, de muito afeto. Minha gratidão por tanta delicadeza”.


Vamos ver alguns registros desse momento tão especial?


Fotos: Secom/CAV

Ícone - INSCRIÇÕES DIURNO 2022
INSCRIÇÕES DIURNO 2022

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nossos sites e fornecer funcionalidade de redes sociais. Se desejar, você pode desabilitá-los nas configurações de seu navegador. Conheça nossa Política de Privacidade.

Concordo