Notícias

09h56

Movimentos migratórios são debatidos na Gincana Cultural da 1ª série EM

Um dos temas mais discutidos na atualidade, a exemplo da prova de redação do ENEM 2012, os movimentos migratórios estiveram em pauta na Gincana Cultural da 1ª série EM.

Compartilhe
Tamanho do Texto
Movimentos migratórios são debatidos na Gincana Cultural da 1ª série EM

Um dos temas mais discutidos na atualidade, a exemplo da prova de redação do ENEM 2012, os movimentos migratórios estiveram em pauta na Gincana Cultural da 1ª série EM. A atividade, realizada em diversos espaços do colégio, entre os dias 28 e 30 de outubro, encerrou o projeto “Migrações Internacionais”. A contextualização da temática aconteceu através de modalidades, como esquete, enigma musical, coreografia, mascote, painel artístico, painel vivo, flash mob, paródia e quiz, que serviram como tarefas da culminância.

Os alunos analisaram a questão migratória e os desafios que ela representa ao mundo de forma criativa e dinâmica. “Através da atividade, os alunos entenderam o processo de migração como um direito humano e ampliaram as suas visões de mundo, uma vez que também refletiram sobre a dificuldade das nações em lidar com os refugiados”, destacou a coordenadora pedagógica da 1ª série EM, professora Léa Pontes.

Os estudantes aprovaram a realização da Gincana e valorizaram a integração entre as turmas. “Uma experiência muito boa e gratificante, porque a movimentação das pessoas da turma para fazer um bom trabalho é intensa. Além disso, tivemos o bônus de conhecer e interagir com pessoas de outras salas”, destacou o aluno Iuri Cruz. “Eu achei o trabalho muito bacana. Ele nos deu a oportunidade de brincar e, ao mesmo tempo, compartilhar o que aprendemos a respeito das migrações com os nossos colegas. A gente também pôde demonstrar outras habilidades, como pintura, interpretação e composição de músicas”, completou a aluna Maria Boaventura.

A ação ajudou no desenvolvimento de atitudes e valores que favorecem o processo de construção do conhecimento. “A Gincana também serviu para estimular o trabalho cooperativo, o intercâmbio de ideias e informações e a socialização de opiniões como processo de aprendizagem, promovendo o respeito e uma maior integração entre os alunos e professores”, finalizou a prof.ª Léa. 

Deixe seu comentário
Av. Leovigildo Filgueiras, Garcia - 683 CEP: 40100-000 - Salvador - Ba
Tel: (71) 3328-9500 - Fax: (71) 3267-0511
2016 - 2018. Colégio Antônio Vieira. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital